segunda-feira, 9 de agosto de 2010

TODO MUNDO SABE


Todo mundo sabe… que você precisa arrumar a cama.

Todo mundo sabe… que você deve lavar a galinha antes de cozinhá-la.

Todo mundo sabe… que a maionese estraga rápido.

Todo mundo sabe… que o que costumávamos saber antes está errado, e o que sabemos agora está certo.

As pessoas estão comumente erradas. Especialistas são apenas tão bons quanto seu conhecimento, observações e habilidade de interpretar o que vêem. Nos três casos acima, estudos e novas ideias substituíram o que “todo mundo sabe” com novos conhecimentos – e descobriu-se que estavam todos errados.

Embora arrumar a cama pareça limpo, cientistas sabem há anos que arrumar sua cama aumenta a multiplicação de ácaros. Durante a noite, você sua e esta umidade é absorvida pela cama. Por sua vez esta umidade fornece um ambiente hospitaleiro para que ácaros se multipliquem enquanto se alimentam de suas células de pele mortas. Se as concentrações deles aumentarem muito, você pode sentir alguma coceira ou outros sintomas de seus excrementos. Para melhores resultados, não arrume sua cama, o que a ajuda a secar durante o dia.

Já com relação à galinha, também se sabe há tempos que lavar uma galinha crua aumenta a chance de intoxicação alimentar. Por quê? Porque a carne e pele de galinha estão geralmente cobertas com patógenos nocivos. Enquanto cozinhar a galinha mata estes patógenos, lavar a galinha apenas os espalha pela pia, balcão, tábua de cortar… e suas mãos. É muito melhor manusear a galinha o menos possível e então lavar suas mãos e tudo mais que entrou em contato com a galinha.

E se você está pensando em fazer salada de galinha com essa galinha, saiba que a maionese é um preservante, não algo que faz com que a galinha estrague mais rápido. A maionese tem um pH de 3.7, que é acídica o suficiente para retardar a propagação da maior parte das bactérias. Isso não significa que a comida deva ser deixada fora da geladeira – as bactérias irão acabar se propagando. Mas saiba que se você passar mal, era provavelmente a culpa da galinha ao invés da maionese.

Não acredita em mim? Veja o que o Google diz [sobre arrumar camas] (em inglês). [E sobre a maionese. E sobre lavar a galinha]. E veja o que se sabe há anos.

Exceto que não sabemos, sabemos? Aposto que muitos de vocês acreditavam em algumas, se não todos estas doses de sabedoria. O fato de que são “tradicionais” e, arrisco dizer, “sabedoria antiga”, não afeta o fato de que de acordo com a melhor informação disponível hoje, são todas falsas.

No entanto muitos diriam que não atualizemos o que “sabemos” com base em novas informações. Defensores de “artes antigas” como homeopatia, Ayuverda, sangrias, os quatro humores, acupuntura e frenologia falham em abraçar esta ideia.

A ciência não é sobre o que sabemos, mas sobre como sabemos. E sabemos que enquanto acumularmos mais informações, teremos uma visão mais acurada da forma como o mundo funciona.

E isso significa… que não preciso arrumar mais a minha cama. Viva a ciência!